• @niara.luz

ROTEIRO FOTOGRÁFICO #02: MUSEU DO LOUVRE

Atualizado: 17 de set. de 2021

O segundo ponto turístico mais pedido pelos meus clientes, e um dos mais lindos de Paris. Uma mistura de história e modernidade em um só lugar. Saiba todos os cantinhos fotográficos para fazer nessa região neste post.



Você deve ter se cansado com o último passeio que fizemos pela Torre Eiffel, né? Geralmente os viajantes colocam a Torre e o Louvre no mesmo dia do roteiro, pois é um passeio totalmente possível de ser feito a pé e preenche direitinho um dia em Paris.


Para chegar da Torre Eiffel até o museu do Louvre, você leva aproximadamente 40 minutos a pé e preciso dar uma dica de que o melhor caminho é pelas margens do Rio Sena. Você não vai se arrepender. Bom, hoje nosso roteiro fotográfico é pelo Museu do Louvre e não é tão cansativo, pois não precisamos andar tanto para encontrar os cantinhos fotográficos e ainda assim saímos com fotos lindas na nossa câmera. É possível fazer essa locação em 1 hora de passeio.


Vamos lá?


AS PIRÂMIDES DE VIDRO


Por conta da grande procura de visitação ao museu, essa é uma região que enche muito rápido de turistas, então quando tenho ela incluída em algum roteiro que possui mais de uma locação, gosto sempre de começar por ela. Há duas estações de metrô que você pode descer, no Louvre Rivoli ou Palais Royal - Musée du Louvre, ambas da linha 1 amarela do metrô. Qualquer uma das estações que você escolher para começar seu passeio, as primeiras vistas que você vai ter são das pirâmides de vidro aparecendo através dos portões de entrada da região do museu.


Já pode tirar sua câmera da mochila ou seu celular do bolso que as duas portas de entrada já te proporcionam uma foto de silhueta, bem conhecida nas redes sociais. Aqui, nesse momento, o mais importante é ter paciência, porque é preciso esperar o momento em que não tem muitas pessoas passando para fazer o clique perfeito.



Nos arredores das pirâmides existem diversos ângulos lindos para fazer suas fotos (se não todos eles), mas tem alguns truques que podem te ajudar a fazer a foto perfeita.


Para quem ama uma perspectiva e fotos centralizadas, os três lados da pirâmide proporcionam fotos muito lindas, tirando somente o ângulo da entrada do museu, que é muito cheio de gente aguardando na fila, como você pode ver na primeira foto desse post.



Para você ter uma foto assim, com menos pessoas possíveis na imagem, você precisa chegar por volta das 8 horas da manhã nessa região, pois à partir desse horário já começa a ficar bem movimentado.


O local mais procurado para se fazer uma foto com as pirâmides é onde pegamos a intersecção de duas faces dela, tanto do lado direito, quanto do lado esquerdo da pirâmide central é possível fazer fotos como essa a seguir. Tem dias que forma até uma filinha de espera para fazer uma foto como essa.


Gosto de lembrar que as fontes de água ficam ligadas durante toda primavera/verão e são desligadas no período de outono/inverno, mas mesmo assim é possível fazer fotos lindas desse lugar. Caso você chegue lá e as fontes estejam desligadas, faça a foto ajoelhada, para não pegar a fonte vazia e não ficar estranho.



Mas para sair um pouco do super clichê, acrescente nas suas imagens um pouco da arquitetura desse lugar super incrível. Vale a pena registrar nas suas fotos a mistura de antigo com moderno que a região tem. Abuse das diversas possibilidades de ângulos que esse passeio te proporciona e cada clique será único.


ARQUITETURA DE MAIS DE 200 ANOS


As pirâmides do Louvre foram erguidas em 1989, mas a arquitetura que envolve o museu é muito mais histórica do que isso, então cada centímetro dessa locação vale a pena ser registrada.


Para registrar a arquitetura do museu, observe as perspectivas do lugar. Se deixarmos de admirar um pouco somente as pirâmides e olharmos à nossa volta, tem diversos postes de luz, além de uma sequência de formas e quantidade infinita de janelas e portas que nos traz fotos muito bonitas em perspectiva.



Antes de seguir o seu passeio, faça algumas fotos também misturando os dois cenários. Acho muito legal fotos espontâneas passeando, curtindo e conhecendo esse local tão cheio de história.



Existem dois cafés, um em cada lado do museu, que você pode pedir um café ou até almoçar com essa vista maravilhosa e claro, fazer mais algumas fotos.


ARCO DO TRIUNFO DO CARROSSEL DO LOUVRE


Vamos seguir o nosso passeio até perto da entrada do Jardim des Tuileries, onde você vai encontrar o Arco do Triunfo do Carrossel do Louvre. Um monumento que é alinhado ao Arco do Triunfo da Champs Elyssés, mas que recebe esse nome porque parte do museu fica situado abaixo da Praça do Carrossel.


Ali você encontra uma das entradas para o museu, onde é possível acessar a pirâmide invertida sem precisar pagar ingresso para entrar na atração.


Se você souber posicionar bem a sua câmera ou celular, você garante fotos incríveis do Arco com o Louvre de cenário atrás dele. Veja algumas sugestões abaixo.



Bom, nosso passeio chegou ao fim, pelo menos aqui neste post, porque você provavelmente vai seguir o roteiro passando pelo Jardin des Tuileries após fazer sua foto no Arco do Carrossel. Tenho dicas muito legais sobre esse jardim, mas posso te contar de forma mais completa no próximo Roteiro Fotográfico. Acompanhe meu instagram que toda semana tem dicas e sugestões de fotos para você fazer em sua viagem à Paris!


Espero que tenha gostado desse post. Envie para os amigos e família que vão viajar com você, ou se vai viajar sozinha, não hesite em salvar para não perder nenhuma dica.

13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo